Sobre humanaesfera


CINCO TEXTOS QUE SINTETIZAM NOSSAS POSIÇÕES:





O QUE É HUMANAESFERA?

Humanaesfera é o comunismo: a associação livre sem fronteiras dos indivíduos, onde o livre acesso às suas condições de existência práticas - aos meios de produção e de vida interconectados em escala planetária que deixaram de ser propriedade privada - emancipou a humanidade de toda coerção social, seja ela econômica, empresarial, estatal, territorial, educacional, familiar ou cultural.

O objetivo deste site é desdobrar e armar explicitamente no séc. XXI o pensamento-desejo-necessidade mais básico e reprimido do proletariado desde seu surgimento no século XVIII:

a) abolição do trabalho:
 supressão de todo e qualquer sistema de recompensas e punições; consequentemente, fim de toda e qualquer atividade repulsiva, irritante, tediosa e/ou maçante, de tudo que não for atrativo por si só, para que toda atividade produtiva seja a livre expressão multilateral da criatividade, das capacidades e necessidades humanas; abolição do mercado de trabalho; portanto, fim da escravidão do salário, do dinheiro, da mercadoria, e para isso ser possível,

b) abolição da propriedade privada dos meios de vida e produção (abolição da empresa, do capital, não importa se os proprietários são Estados ou particulares), para garantir o livre acesso aos meios práticos de realização e auto-formação dos desejos e necessidades dos indivíduos em livre associação,que encontrarão livres e gratuitas as suas condições práticas materiais de existência e auto-realização. Logo,

c) abolição das fronteiras nacionais, porque só é possível garantir o livre acesso às condições materiais de existência - aos meios de vida e de produção, que são indissoluvelmente interdependentes em escala mundial - suprimindo qualquer circunscrição privativa de qualquer território do mundo em relação a todo e qualquer ser humano. Portanto,

d) abolição do Estado, pois somente pela supressão do corpo armado separado da população (polícia e forças armadas) será possível libertar a população dessa que é a única coisa que a priva efetivamente (pela força das armas) de ter livre acesso a suas condições de existência.

São estes os requisitos mínimos para que os indivíduos realizem e produzam suas próprias potencialidades como eles mesmos (isto se chama liberdade), e nunca mais possam ser forçados a se reduzir a mercadorias oferecidas no mercado de trabalho e nem à condição de objetos de consumo da administração empresarial ou estatal.

Prática: contra o embuste do "trabalho de base", da militância e do ativismo, nos limitamos a apoiar preguiçosamente a única prática propriamente

comunista, cuja menor faísca por si só é capaz de tomar o mundo: a superação da greve pela produção livregratuita e universalmente acessível, que suprime desde já o emprego, para propiciar a livre e autônoma circulação universal das necessidades e capacidades humanas, contra a empresa, o Estado, a naçãofamília, a mercadoria e a classe dominante em escala mundial. 

Humanaesfera - email para contato: joaosac@yahoo.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/humanaesfera
Twitter: https://twitter.com/humanaesfera


O QUE É ESTE SITE?

O site humanaesfera é produto de debates e conversas entre muitas pessoas que não são nenhum grupo formal, muitas vezes inclusive com pessoas aleatórias da vida cotidiana, no trabalho, ônibus, rua, filas etc. O objetivo é reunir, ou, por assim dizer, "salvar" (para um maior público e para o futuro) as ideias comunistas libertárias, que não tem donos, e que surgem esparsas pela sociedade. 




ÍNDICE DE TEXTOS:

PRESSUPOSIÇÕES BÁSICAS:
O corpo é uma propriedade privada? (2016)

Propriedade privada, substância do Estado (2016) (English translationPrivate property, substance of state)

O capital num rápido histórico (2015)

Condições de existência universalmente interconectadas/interdependentes (2015) (English translationUniversally interconnected / interdependent conditions of existencetraduction française: Conditions d’existence universellement interconnectées/interdépendantes)



POSIÇÕES:
Propriedade privada, escassez e democracia (2014) (English translation:Private property, scarcity and democracy)











A ilusão da "dádiva" pré-capitalista (2017) (English translation: The illusion of the precapitalist gift)




Quando as insurreições morrem (Gilles Dauvé, 1998)






Luta de classes na empresa Cuba (2016) (English translationClass struggle in the Cuba enterprise)

Estalinismo canavieiro (ES, revista Intransigence, 2018)





SOBRE ACONTECIMENTOS RECENTES:
Sobre os "coletes amarelos" na França - On the "yellow vests" (gilets jaunes) in France  (2018)

O que foi junho de 2013? - da incipiente comunidade material a seu esmagamento reacionário na pseudo-comunidade ideológica (2018) (English translation: What happened in June 2013 in Brazil? - From the incipient material community to its reactionary destruction in the ideological pseudo-community)


Sobre a greve dos caminhoneiros de maio de 2018 (2018) (English translationHuge truck drivers strike in Brazil in May 2018)

A rebelião dos caminhoneiros na encruzilhada - grupo Iniciativa Revolução Universal (Iniciativa Revolução Universal2018) (English translationThe rebellion of truck drivers at a crossroads - Iniciativa Revolução Universal)






DEBATES:

Sobre transição ao comunismo (resposta ao texto de Kontraklasa, Notes on the transition to communism) (2018)(English: On the transition to communismReply to  Kontraklasa's Notes on the transition to communism)



FILOSOFIA, ÉTICA, MATERIALISMO:


Dissecando a metafísica da escassez (2017) (English version: A dissection of the metaphysics of scarcity)




Materialismo (2014)





Pequena Ética (jornal A Vida, 1914)



BIBLIOGRAFIA (com links):


O site humanaesfera é produto de debates e conversas entre muitas pessoas que não são nenhum grupo formal, muitas vezes inclusive com pessoas aleatórias da vida cotidiana, no trabalho, ônibus, rua, filas etc. O objetivo é reunir, ou, por assim dizer, "salvar" (para um maior público e para o futuro) as ideias comunistas libertárias, que não tem donos, e que surgem esparsas pela sociedade. Abaixo, textos clássicos dessa tendência:

A reprodução da vida cotidiana (Fredy Perlman, 1969)

Capitalismo e comunismo (Jean Barrot/Gilles Dauvé, 1972)

Dois textos contra o trabalho (GCI, 1979 e 1982)

A recusa do trabalho (Comitato Operaio di Porto Marghera, 1970)

O mito do socialismo cubano (Kaos, 1997)


Crise e autogestão (Négation, 1973)

A Internacional Situacionista (La Banquise, 1983)

A Esquerda Italiana e Bordiga (La Banquise, 1983)


Notas sobre Trotsky, Pannekoek, Bordiga (Jean Barrot & François Martin, 1973)

Leninismo e Ultra-esquerda (Jean Barrot & François Martin, 1972)


Fascismo & Antifascismo (Jean Barrot/Gilles Dauvé, 1979)

O crepúsculo das personificações (Fredy Perlman, 1972)

Bordiga versus Pannekoek (Antagonism, 2001)


A rede de lutas na Itália (Romano Alquati, anos 1970)

Velha e nova cultura (György Lukács, 1920)

Bicho mau nº1 (informativo classista libertário, 1985)

Manifesto Internacional Situacionista (Internacional Situacionista, 1960)

Propriedade Absoluta (G. Kay & J. Mott1982)



GRANDES CLÁSSICOS:
Anarquia e Comunismo (Carlo Cafiero, 1880)

Le Humanisphère (trechos) (Joseph Déjacque, 1857)

Sobre a troca (Joseph Déjacque, 1858)

A alma do homem sob o socialismo (Oscar Wilde, 1891)

Rascunho de artigo sobre um livro de Friedrich List (trechos) (Karl Marx, 1845)


ÍNDICE POR AUTOR:

Ashton, Brian
A logística e a fábrica sem muros (tradução publicada em 24 de março de 2013)
A Vida, jornal
Pequena Ética (A Vida, 1914) (2 de fevereiro de 2014)
Bicho mau
Bicho mau nº1 (informativo classista libertário, 1985)
Cafiero, Carlo
Anarquia e Comunismo (1880) (tradução publicada em 29 de abril de 2016)
Comitato Operaio di Porto Marghera
A recusa do trabalha (1970) (tradução publicada em 6 de novembro de 2016)
Commie Rag
Déjacque, Joseph
Sobre a troca (1858) (tradução publicada em 23 de abril de 2016)
Le Humanisphère de Joseph Déjacque, 1857. Trechos daintrodução (tradução publicada em 3 de julho de 2012)
Joseph Déjacque sobre suas influências: Fourier, 1848 e Proudhon (tradução publicada em 2 de julho de 2012)
Dauvé, Gilles
Quando as insurreições morrem (tradução publicada em dezembro de 2017)
Dostiago, Zé
Endnotes
Serviços: subsunção formal, por Endnotes (2010) (tradução publicada em 4 de abril de 2014)
Fourier, Charles 
A atração apaixonada (trechos) (tradução publicada em 4 de junho de 2016)
G. Kay & J. Mott
Propriedade Absoluta (1982) (tradução publicada em dezembro de 2018)
Humanaesfera
Concisíssimo resumo da ópera (18 de março de 2016)
Contra a estratégia (18 de junho de 2016)
Materialismo (26 de junho de 2014)
O capital num rápido histórico (24 de julho de 2015)
O proletariado foi integrado? ( janeiro de 2015)
Propriedade privada, substância do Estado (4 de outubro de 2016) 
Sobre propriedade privada, escassez e democracia (29 de julho de 2014)
Sobre transição ao comunismo (resposta ao texto de Kontraklasa, Notes on the transition to communism) (1 de janeiro de 2019)
Teoria comunista telegráfica (2 de março de 2018)
Uma arkhé Acidental? (12 de outubro de 2010)
L'Humanitaire
L'Humanitaire, a primeira publicação comunista libertária (1841)(tradução publicada em 29 de março de 2017)
Iniciativa Revolução Universal
Kaos
O mito do socialismo cubano - Kaos, 1997 (15 de fevereiro de 2014)
Libcom
Marx, Karl
Trechos dos Comentários sobre James Mill por Karl Marx(1844) (tradução publicada em 18 de fevereiro de 2014)
Wrigh, Steve
ZEROWORKER

Nenhum comentário:

Postar um comentário